WhatsApp
Pesquisar
Close this search box.

O que é Orçamento Base Zero (OBZ)? Entenda como funciona e 10 dicas para aplicar na sua empresa

Pessoa analisando gráficos financeiros para planejamento de orçamento base zero.

O Orçamento Base Zero (OBZ) é uma metodologia de planejamento financeiro que exige que todas as despesas sejam justificadas a partir do zero a cada ano, buscando eliminar desperdícios e otimizar o uso dos recursos. Descubra como usar na empresa!

O Orçamento Base Zero (OBZ) é uma metodologia de planejamento financeiro que tem ganhado popularidade entre empresas de diversos setores. É um processo rigoroso e detalhado de reavaliação de cada item de despesa, permitindo uma análise crítica das necessidades e prioridades financeiras da empresa.

A adoção do OBZ pode ser útil em períodos de crise econômica, reestruturação organizacional, fusões e aquisições, ou quando a empresa deseja alinhar suas despesas mais estreitamente com seus objetivos estratégicos. 

Esta metodologia também é benéfica para empresas que estão enfrentando desafios de competitividade e precisam encontrar formas de maximizar a eficiência operacional.

Neste guia, exploraremos em detalhes o que é o Orçamento Base Zero, como ele funciona, suas vantagens e desvantagens, e como aplicá-lo em sua empresa para alcançar uma gestão financeira mais eficaz e alinhada aos objetivos estratégicos.

O que é Orçamento Base Zero (OBZ)

A principal característica do OBZ é começar cada novo período orçamentário do zero, sem assumir que os gastos do passado devem continuar.

Esse processo detalhado permite uma análise crítica das necessidades e prioridades financeiras, garantindo que os recursos sejam alocados de forma mais eficiente e alinhada com os objetivos estratégicos da organização.

O OBZ pode ser aplicado em qualquer tipo de organização, seja pública ou privada, pequena ou grande, e é particularmente útil em situações de mudança significativa, como reestruturações organizacionais, fusões, aquisições, ou em períodos de crise econômica, quando a eficiência e a otimização de custos se tornam ainda mais cruciais.

Leia também: Como o Sistema de Gestão de empresa pode auxiliar no controle de gastos? Entenda o que é e os seus benefícios!

Como funciona a metodologia OBZ

A metodologia Orçamento Base Zero (OBZ) funciona por meio de um processo detalhado e sistemático que exige a justificativa de todas as despesas a partir do zero para cada novo período orçamentário. 

Este método envolve várias etapas fundamentais, antes de iniciar o processo de OBZ, a empresa deve definir claramente seus objetivos estratégicos e metas financeiras. Isso ajuda a garantir que todas as despesas sejam avaliadas em relação ao seu impacto no alcance desses objetivos.

Cada departamento ou unidade de negócios deve identificar todas as suas atividades e despesas. Detalhando todos os custos operacionais, projetos, programas e iniciativas. Estas despesas são submetidas a uma análise crítica, onde os gestores devem justificar a necessidade de cada item, demonstrando como os custos contribuem para os objetivos da empresa e quais benefícios específicos ele proporciona.

Os custos identificados são agrupados em “pacotes de decisão”, ou seja, unidades de análise que podem ser avaliadas de forma independente. Cada pacote deve conter informações detalhadas sobre a atividade, os custos associados, os benefícios esperados e as consequências de não realizar a despesa.

Após serem identificados, os pacotes de decisão são classificados com base em critérios de importância estratégica e retorno sobre o investimento. Essa priorização ajuda a alocar recursos de maneira que maximize o impacto positivo para a empresa.

Leia também: O que é Capex e como analisar o seu tipo de despesa?

Para que serve o Orçamento Base Zero?

O OBZ permite um controle de gastos mais rigoroso, pois cada despesa deve ser justificada e analisada a partir do zero. Isso elimina a estagnação orçamentária e reduz a probabilidade de perpetuar gastos desnecessários que podem se acumular ao longo dos anos. Esse processo pode resultar em uma significativa redução de despesas, contribuindo para a melhoria da margem de lucro.

Além disso, a metodologia assegura que os recursos financeiros sejam direcionados para atividades e projetos diretamente alinhados com os objetivos estratégicos da organização. 

Ao promover uma maior transparência no processo de orçamento empresarial, o OBZ aumenta a responsabilidade dos gestores e colaboradores, que precisam demonstrar a necessidade e os benefícios de suas despesas.

Este método de gestão orçamentária oferece maior flexibilidade para ajustar verbas em resposta a mudanças no ambiente de negócios. Como o processo começa do zero a cada período, é mais fácil adaptar-se a novas condições econômicas, tecnológicas e de mercado.

Desafiando constantemente a necessidade de todas as despesas, as estratégias de economia incentivam a inovação e a busca por melhorias contínuas. Logo, implementar o conceito de Orçamento Base Zero pode promover uma cultura organizacional de responsabilidade das finanças corporativas. 

Diferenças entre Orçamento Base Zero e orçamento tradicional

A principal diferença entre o Orçamento Base Zero (OBZ) e o orçamento tradicional está na abordagem adotada para a elaboração do orçamento.

No orçamento tradicional, também conhecido como incremental, toma como referência o orçamento do ano anterior, fazendo ajustes para o novo período com base em estimativas e projeções. Ou seja, o histórico é a base para determinar os valores futuros, e os ajustes são feitos principalmente em relação a esses valores anteriores.

Por outro lado, no OBZ, não há a consideração automática dos valores do período anterior. Cada despesa deve ser justificada a partir do zero, independentemente do que foi gasto no ano anterior. Isso significa que todas as despesas são reavaliadas e devem ser justificadas com base em sua relevância e impacto nos objetivos da empresa.

Em resumo, enquanto o orçamento tradicional é uma continuidade dos gastos do ano anterior, o OBZ parte do pressuposto de que todas as despesas devem ser justificadas a cada novo período, promovendo uma análise de custos mais crítica e detalhada.

Leia também: Orçamento em Telecom: 5 dicas simples de como fazer

Vantagens do Orçamento Base Zero

Esta abordagem oferece um método para empresas em busca de eficiência e foco estratégico. Vejamos algumas das principais vantagens:

  • Redução de custos: a revisão detalhada de todas as despesas, desafia a suposição de que as despesas do passado devem continuar, o que evita aumentos automáticos de orçamento. 
  • Alinhamento estratégico: o OBZ garante que os recursos financeiros sejam direcionados para atividades e projetos alinhados com os objetivos estratégicos da empresa. Isso ajuda a maximizar o retorno sobre o investimento e a impulsionar o crescimento sustentável.
  • Promoção da inovação: ao desafiar constantemente a necessidade de todas as despesas, incentiva-se a busca por novas maneiras de alcançar os mesmos resultados com menos recursos ou de agregar mais valor com os recursos existentes. Isso promove uma cultura de inovação e melhoria contínua.
  • Transparência e responsabilidade: os gestores e colaboradores são incentivados a pensar criticamente sobre suas necessidades de gastos e a demonstrar como cada despesa contribui para os objetivos da empresa.
  • Maior eficiência operacional: a análise detalhada de todas as despesas leva à identificação de oportunidades para melhorar a eficiência operacional. Incluindo a otimização de processos, a renegociação de contratos com fornecedores e a eliminação de desperdícios.
  • Flexibilidade para mudanças: ao começar do zero, este orçamento oferece maior flexibilidade para se adaptar a mudanças no ambiente de negócios. O que é especialmente importante em tempos de incerteza econômica ou mudanças no mercado.

 

Desvantagens do Orçamento Base Zero 

Como toda escolha financeira, o Orçamento Base Zero (OBZ), também apresenta algumas desvantagens que devem ser consideradas antes da adoção. Entenda quais são elas:

  • Demanda de tempo e recursos: a de necessidade de revisar e justificar todas as despesas a partir do zero pode ser um processo demorado e trabalhoso, especialmente para organizações maiores ou com processos financeiros complexos.
  • Resistência à mudança: a mudança de uma cultura organizacional estabelecida pode ser desafiadora e exigir esforços adicionais de comunicação e engajamento.
  • Complexidade na implementação: por ser uma metodologia complexa que requer uma compreensão profunda das operações e das necessidades financeiras da empresa. A elaboração de pacotes de decisão e estabelecer a priorização de despesas podem ser desafiadoras, especialmente para empresas com estruturas organizacionais complexas.
  • Foco no curto prazo:  a natureza detalhada e minuciosa do OBZ pode levar a um foco excessivo no curto prazo, em detrimento de uma visão mais ampla e estratégica. Os gestores podem ficar tão envolvidos na análise de despesas individuais que perdem de vista os objetivos de longo prazo da empresa.

 

Como aplicar o Orçamento Base Zero (OBZ) em sua empresa

Implementar o Orçamento Base Zero (OBZ) em sua empresa envolve um processo detalhado que requer planejamento, colaboração e monitoramento. Apesar de complexo, existem alguns passos que você pode seguir para aplicar o método, com sucesso, nas finanças da organização de uma organização:

Convide os líderes a participar do OBZ

O primeiro passo é envolver os líderes da empresa no processo, os gestores e diretores de todos os departamentos devem entender os benefícios do OBZ e estar comprometidos com a sua implementação. O engajamento dos líderes é fundamental para garantir que todos os setores da empresa estejam alinhados e comprometidos com a nova metodologia.

Alinhe os objetivos empresariais ao OBZ

Antes de iniciar a elaboração do orçamento, é essencial alinhar os objetivos empresariais ao novo processo orçamentário. Defina claramente as metas estratégicas da empresa e comunique-as a todos os envolvidos. Esse alinhamento garante que todas as despesas sejam avaliadas com base no seu impacto e contribuição para os objetivos de longo prazo da empresa.

Examine as despesas essenciais

Revise todas as despesas atuais e identifique quais são essenciais para o funcionamento da empresa. Isso inclui custos fixos, como aluguel e salários, e despesas variáveis, como materiais de produção e marketing. Avalie a necessidade e a justificativa de cada gasto, eliminando aqueles que não são cruciais.

Leia também: O que é auditoria interna e qual sua importância?

Mapeie os gastos de departamentos ou projetos

Divida o orçamento por departamentos ou projetos e mapeie todos os gastos associados a cada um deles. Isso permite uma visão detalhada de onde os recursos estão sendo utilizados e facilita a identificação de áreas que podem ser otimizadas ou reavaliadas.

Estabeleça prioridades

Com todas as despesas mapeadas, estabeleça prioridades com base em sua importância estratégica e impacto nos objetivos da empresa. Classifique os gastos em categorias, como “essenciais”, “importantes” e “desejáveis”, para facilitar a alocação dos recursos de forma mais eficiente.

Distribua o orçamento

Com as prioridades definidas, distribua o orçamento conforme as necessidades e prioridades estabelecidas. Alocar recursos de maneira hábil garante que os fundos sejam direcionados para as áreas de maior impacto e importância para a empresa.

Garanta a otimização de custos no OBZ

Durante a distribuição do orçamento, busque sempre a otimização de custos. Identifique oportunidades para reduzir despesas sem comprometer a qualidade ou a eficiência operacional. Isso pode incluir renegociação de contratos com fornecedores, automação de processos e eliminação de desperdícios.

Integre o OBZ a outros modelos orçamentários

O OBZ pode ser complementado por outros modelos orçamentários para criar um sistema financeiro mais robusto. Considere integrar a metodologia de base zero com o orçamento tradicional ou com métodos de orçamento contínuo, em diferentes ciclos, para aproveitar os pontos fortes de cada abordagem.

Revise e implemente

Antes de finalizar o orçamento, revise todas as justificativas, prioridades e destinação com a equipe de liderança. Faça os ajustes necessários e obtenha a aprovação final. Após a revisão, implemente o orçamento de forma estruturada e organizada.

Monitore os resultados

Após a implementação, é crucial monitorar regularmente os resultados financeiros e compará-los com o orçamento planejado. Utilize indicadores-chave de desempenho (KPI’s) para avaliar a eficácia do OBZ e fazer ajustes conforme necessário. A revisão contínua e o monitoramento permitem que a empresa mantenha o controle sobre os custos e alcance seus objetivos financeiros.

Leia também: Contas a pagar: como otimizar a gestão de contas para garantir o melhor desempenho nos negócios?

Quando usar o Orçamento Base Zero?

O Orçamento Base Zero é uma metodologia versátil que pode ser aplicada em diversas situações empresariais para melhorar a eficiência, otimizar recursos e garantir o alinhamento estratégico das despesas com os objetivos da empresa. Entenda possíveis cenários em que a aplicação deste método pode ser vantajosa:

Situações de crescimento rápido

Em fase de crescimento rápido, é crucial garantir que os recursos sejam alocados de maneira eficiente para sustentar o crescimento. O OBZ ajuda garantir que os investimentos sejam direcionados para as áreas que mais contribuem para o sucesso e expansão da empresa.

Períodos de crise econômica

Durante crises econômicas, as empresas precisam reavaliar todas as suas despesas para se adaptar a condições financeiras adversas. A metodologia permite uma análise detalhada de cada gasto, ajudando a identificar cortes de custos sem comprometer a operação essencial da empresa.

Processos de reestruturação

Empresas que estão passando por reestruturações e reorganizações podem se beneficiar do OBZ para redefinir suas prioridades financeiras. Já que esta abordagem orçamentária ajuda a realocar recursos de forma mais estratégica e eficiente, suportando a nova estrutura organizacional.

Necessidade de melhoria na eficiência

Se a empresa busca melhorar a eficiência operacional e eliminar desperdícios, o OBZ é uma ferramenta ideal. Ele promove uma cultura de responsabilidade e análise crítica, incentivando a otimização dos processos e a redução de gastos desnecessários.

Mudanças significativas no mercado

Em mercados voláteis ou em rápida mudança, o OBZ permite que a empresa se adapte rapidamente, ajustando o orçamento de acordo com as novas condições e oportunidades do mercado. Isso ajuda a manter a competitividade e a agilidade da empresa.

Alinhamento estratégico

Quando a empresa deseja garantir que todos os gastos estejam alinhados com seus objetivos estratégicos de longo prazo, o OBZ oferece uma abordagem detalhada e criteriosa para justificar cada despesa. Isso assegura que os recursos sejam utilizados de maneira que contribuam diretamente para o alcance das metas estratégicas.

Leia também: Saiba o que é a TI estratégica e como ela pode revolucionar a sua empresa!

Fusões e aquisições

Durante processos de fusões e aquisições, é fundamental revisar todas as despesas para integrar eficazmente as operações das empresas envolvidas. O OBZ facilita a identificação de sinergias e a eliminação de duplicidades, otimizando os recursos disponíveis.

Novos projetos ou iniciativas

Para novos projetos ou iniciativas, o OBZ ajuda a garantir que cada aspecto financeiro seja cuidadosamente planejado e justificado. Isso resulta em uma alocação mais eficiente dos recursos e aumenta a probabilidade de sucesso do projeto.

Conheça a solução SUMUS!

Se sua empresa está em busca de uma metodologia eficaz para reduzir custos e otimizar recursos, considere a solução ITEM (IT Expenses Management) da Sumus. Com o ITEM, você pode implementar o Orçamento Base Zero (OBZ) de maneira eficiente, aproveitando uma plataforma robusta e intuitiva que facilita a análise detalhada das despesas e o alinhamento estratégico dos recursos. 

Solicite um trial gratuito e reduza custos operacionais da sua empresa!

Autor:

NEWSLETTER

[contact-form-7 id=”5646″ title=”Form News Sidebar” html_name=”/news-blog-form/”]

Entenda como a Sumus pode gerir os custos e reduzir as despesas seu negócio: