WhatsApp
Pesquisar
Close this search box.

5 celulares com melhor custo-benefício para o trabalho em 2024

Última atualização: 22/02/2024 11:37:33

celulares melhor custo benefício

Os 5 melhores celulares com o melhor custo-benefício para uso corporativo são: Samsung Galaxy A03 Core, Samsung Galaxy A14, Xiaomi Redmi Note 12, Samsung Galaxy M54, iPhone 11. Confira todos os detalhes!

Na era em que a comunicação se tornou essencial para o funcionamento eficiente das empresas, a necessidade de dispositivos móveis específicos para fins corporativos torna-se cada vez mais evidente. 

A utilização de celulares corporativos não apenas facilita a comunicação entre funcionários, fornecedores e clientes, mas também é crucial para evitar questões jurídicas e de segurança de dados. 

Diante desse cenário, escolher um celular com o melhor custo-benefício torna-se uma decisão estratégica para as organizações, visando não apenas atender às demandas de desempenho e funcionalidade necessárias para as tarefas diárias, mas também otimizar os recursos financeiros.

Confira aqui qual o melhor celular custo-benefício para uso corporativo!

Saiba mais: Sumus Alerta sobre controle dos celulares corporativos

Qual a necessidade de um celular corporativo?

Atualmente, quase toda a comunicação do dia a dia é feita pelo aparelho celular,por essa razão o celular corporativo torna-se indispensável. 

Não é à toa que, segundo dados da TIC Empresas, 92% das empresas com mais de 250 funcionários usam dispositivos empresariais.O índice é de 83% para as organizações que possuem entre 50 e 249 funcionários, e de 63% para aquelas que têm menos de 50 colaboradores. 

A adesão é grande pois, caso o funcionário não possua um aparelho corporativo, ele poderá executar suas funções com eficiência, ou então será obrigado a fazer uso do seu próprio aparelho para executá-las. 

Além disso, o uso do celular pessoal para fins de trabalho também pode resultar em problemas de segurança digital. Afinal, se um dispositivo móvel está sendo utilizado constantemente por um colaborador para realizar suas tarefas profissionais, muito provavelmente esse dispositivo armazena documentos da empresa que contém dados protegidos pela legislação.

Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é bem clara ao afirmar que as informações coletadas pela empresa de seus colaboradores, clientes e outros parceiros é de única responsabilidade dela. Caso haja um vazamento de dados e seja comprovada negligência, a organização poderá ser punida. 

Fica claro, portanto, que para aumentar a eficiência e a produtividade da equipe e evitar problemas jurídicos futuros, é de extrema importância que as empresas invistam em aparelhos celulares corporativos. 

Veja mais: Saiba como bloquear um celular roubado usando IMEI

O que é necessário levar em consideração ao adquirir um celular corporativo? 

O primeiro aspecto a considerar na hora de decidir qual celular corporativo adquirir para os seus colaboradores é que tipo de uso será necessário. 

Por exemplo, para uma recepcionista ou secretária, que utilizará o celular apenas na sua mesa de trabalho para se comunicar no whatsapp com clientes e colaboradores, um aparelho muito básico é mais do que suficiente. Afinal, ela não terá necessidade de instalar muitos aplicativos, armazenar inúmeros arquivos ou sequer precisará que a bateria do aparelho tenha uma autonomia espetacular. 

Pessoa usando um celular

Por outro lado, um funcionário que trabalhe com social media ou marketing pode precisar utilizar o aparelho para capturar vídeos e fotos e editá-los, criar apresentações e imagens para posts ou fazer videochamadas e lives nas redes sociais. Esse profissional precisa de um aparelho com espaço grande de armazenamento, capacidade de instalar e rodar diversos aplicativos e uma câmera de qualidade. 

E, no caso de um executivo de alto padrão, a escolha não precisa levar em conta apenas o desempenho, mas também a aparência. Afinal, esse colaborador estará em contato com clientes e parceiros fazendo negociações importantes para a empresa. Um aparelho muito barato, simples ou até danificado pode passar uma imagem ruim, prejudicando a credibilidade e a reputação da empresa. Nestes casos, investir em um dispositivo mais caro pode ser importante. 

Portanto, levando em conta o uso que será feito do aparelho, observe os seguintes aspectos:

  • Armazenamento: atualmente, o mercado oferece aparelhos desde 32GB até 512GB de memória. A escolha do armazenamento ideal deve levar em conta a quantidade de arquivos e aplicações que o dispositivo precisará conter para o seu uso diário; 
  • Bateria: o desempenho da bateria é medido em mAh (miliampere-hora), quanto mais mAh possui um dispositivo, mais tempo sua bateria durará antes de precisar ser recarregada; um colaborador que trabalhe em campo, deslocando-se de um local para outro, precisará de um celular com mais autonomia de bateria; 
  • Qualidade da câmera: a qualidade da câmera dos celulares para fotos é medida em mpx (megapixels), quanto maior for o número, melhor será a qualidade da foto; no caso dos vídeos, a câmera pode gravar em HD, Full HD ou 4K, sendo 4K a melhor qualidade disponível hoje; a qualidade da câmera só deve ser levada em conta caso o colaborador precise tirar fotos ou fazer vídeos como parte da sua função na empresa; 
  • Desempenho: o desempenho dos celulares depende do seu processador e da quantidade de memória RAM disponível. Um celular com menos Memória RAM e um processador mais simples poderá ter dificuldade para executar muitos aplicativos ao mesmo tempo ou fazer edição de imagens e vídeos, mas não terá problemas com tarefas simples, como mensagens e ligações; 
  • Preço: atualmente, o preço de um smartphone pode ser de R$ 400 até mais de R$ 15000; considerar o orçamento disponível na empresa é importante para escolher um modelo que satisfaça no custo-benefício.

Entenda: Como otimizar os planos de celular corporativo com Billing Telecom da SUMUS

Top 5 celulares com melhor custo-benefício para uso corporativo

A opção de celular com o melhor custo-benefício para a sua empresa vai depender das atividades que precisam ser executadas pelo funcionário. 

Por exemplo, se o aparelho vai ser usado apenas para ligações e mensagens de texto, uma opção mais barata é suficiente. Porém algumas funções podem depender de uma câmera melhor, mais espaço de armazenamento ou um desempenho superior para rodar aplicativos mais robustos, e, para isso, será necessário investir um pouco mais. 

Para isso, vamos indicar 5 opções de celulares, com diferentes faixas de preço e indicações de uso. 

1. Samsung Galaxy A03 Core 

Se seus funcionários precisam de um aparelho simples, o Galaxy A03 Core é uma das opções mais baratas e confiáveis disponíveis no mercado atualmente. É possível encontrá-lo em promoções a partir de R$ 429. 

Trata-se de um aparelho básico, com armazenamento e desempenho limitados. Caso o funcionário precise utilizar o celular para outras funções, como capturar e editar fotos e vídeos ou editar muitos documentos, recomenda-se investir em um modelo mais robusto. Mas, para funções corporativas simples do dia a dia, como responder mensagens e fazer ligações, o desempenho do aparelho é suficiente; a bateria tem duração de até 30 horas. 

2. Samsung Galaxy A14

O Samsung Galaxy A14 é uma ótima opção de celular intermediário, para colaboradores que precisam utilizar o aparelho para fazer um pouco mais do que apenas mensagens e ligações. É possível encontrá-lo na faixa dos R$ 700 com 64GB de armazenamento, e próximo aos R$ 950 com 128GB. 

Esse ainda é um aparelho básico, mas ele possui uma capacidade de armazenamento, câmera e desempenho melhores do que o modelo mais barato desta lista. Ele pode ser utilizado para tirar fotos e gravar vídeos simples, além de conseguir armazenar mais arquivos e aplicativos. 

3. Xiaomi Redmi Note 12

Para quem gosta da marca chinesa, a melhor opção de custo-benefício atualmente é o Redmi Note 12, lançado em 2023. Atualmente na faixa dos R$ 1000, esse modelo é um combo de boas características com um preço razoável. 

O aparelho possui um bom desempenho geral e uma bateria com ótima autonomia, além de três lentes traseiras e uma frontal, com 48 Mpx e capaz de fazer vídeos em Full HD. 

4. Samsung Galaxy M54

Se você busca um aparelho “meio de caminho”, com funções mais avançadas mas um preço não tão elevado, o Samsung Galaxy M54 pode ser uma boa opção. Sua faixa de preço atual é de cerca de R$ 1600. 

Com 256GB de armazenamento e 8GB de memória ram, além de uma câmera de 108 Mpx capaz de gravar vídeos em qualidade 4K, essa é uma opção interessante de celular para profissionais que precisam de espaço de armazenamento ou que irão utilizar o aparelho para gravar e editar vídeos e fotos. A capacidade da bateria também é maior em comparação aos modelos mais baratos dessa lista. 

5. iPhone 11 

Para quem não abre mão dos dispositivos da Apple, o iPhone 11 apresenta atualmente o melhor custo-benefício. Podendo ser encontrado por cerca de R$ 2800, o aparelho apresenta o padrão premium pelo qual a marca já é conhecida.

O desempenho, a qualidade das câmeras e a capacidade de integração com outros dispositivos da marca fazem com que o iPhone 11 seja uma opção de celular corporativo com ótimo custo-benefício para profissionais que trabalham com tecnologia e marketing, além de executivos de liderança. 

Veja mais: Telefonia Corporativa: Como a Gestão Eficiente pode Reduzir Custos e Impulsionar sua Empresa em 4 passos

Gerencie seus aparelhos corporativos de forma remota com a Sumus

Qualquer empresa que vá adotar o uso de celulares corporativos necessita de uma forma de controle remoto, para garantir que o uso dos dispositivos esteja correto.

Uma das opções disponíveis no mercado é o Sumus MDM, uma ferramenta de Mobile Device Management que permite controlar e inventariar todos os celulares da sua empresa, bem como gerenciar e bloquear o conteúdo e o acesso de cada equipamento.

Com o Sumus MDM, você pode:

  • Garantir a segurança dos dados e dos aplicativos da sua empresa;
  • Economizar com suporte técnico, pois você pode atualizar e configurar os celulares de forma remota, massiva e online.
  • Gerenciar todo o ciclo de vida dos ativos móveis;
  • Geolocalizar e rastrear os dispositivos;
  • Integrar com diferentes sistemas operacionais, como Apple, Android e Windows Phone.

Assim, a tecnologia é uma solução ideal para quem quer monitorar os celulares corporativos de forma legal e segura, seguindo as orientações da CLT e da LGPD e adotando boas práticas de gestão e controle.

Acesse nosso site e solicite uma proposta!

Autor:

NEWSLETTER

[contact-form-7 id=”5646″ title=”Form News Sidebar” html_name=”/news-blog-form/”]

Entenda como a Sumus pode gerir os custos e reduzir as despesas seu negócio: