Home office: Conheça quais são os 4 motivos para controlar o inventário de TI da sua empresa

Home office: 4 motivos para controlar o inventário de TI da sua empresa

 

 

 

 

O que é inventário de TI?

O inventário de TI de uma empresa não tem o mesmo significado do inventário que conhecemos, como definição para os bens que são distribuídos para herdeiros.

Na linguagem empresarial, o inventário de TI representa a listagem dos recursos tecnológicos utilizados para melhorar a produtividade da equipe.

Eles podem envolver softwares e hardwares, e devem constar no inventário seguidos de dados como número de série, data de compra, de última manutenção, entre outros.

Dessa forma, o gestor pode consultar o inventário de TI para identificar quais são os recursos de tecnologia disponíveis no momento e como cada um deles está funcionando e onde estão localizados.

Esse monitoramento constante evita que aconteçam situações inesperadas, como precisar de uma das soluções de TI e na hora perceber que não está disponível, pois não foi atualizado.

Ter um inventário de TI significa ter uma gestão organizada, livre de imprevistos.

Isso garante:

  • melhoria do desempenho das atividades
  • redução de custos
  • maior lucratividade para o negócio

Neste artigo, você vai saber quais são os 4 motivos pelos quais o gestor deve controlar o inventário de TI.

E antes que fique com dúvida: Sim, é possível controlar remotamente este tipo de inventário.

Continue lendo para saber também de que forma você pode ter total controle sobre o inventário em home office – regime de trabalho que está em alta nesta quarentena.

 

 

Por quê realizar o controle de inventário de TI em home office?

 

À medida que a empresa cresce e possui colaboradores trabalhando em home office, é natural que a utilização de ferramentas tecnológicas seja maior.

Em consequência disso, cresce a necessidade de manutenção e atualização dessas ferramentas, para evitar impasses e qualquer tipo de problema que impeça a continuidade das atividades remotas.

Por isso, ter um inventário de TI é fundamental para que a empresa possa controlar todas as informações sobre a sua infraestrutura remotamente.

Podemos destacar alguns dados importantes para controlar:

  • dados de expiração de licenças de softwares
  • serviços em nuvem ativos
  • manutenção de equipamentos
  • ciclo de vida dos recursos

 

Somente identificando possíveis pontos fracos, o gestor pode corrigi-los rapidamente para transformá-los em pontos fortes.

 

Mas se você ainda não ficou convencido sobre a importância de realizar o controle do inventário de TI na sua empresa, com esses 4 motivos a seguir, provavelmente vai mudar de ideia.

Vamos lá!

 

Quais os 4 motivos para controlar remotamente o inventário de TI?

1.Evitar problemas inesperados

Uma vez que o gestor possui total controle sobre todos os recursos tecnológicos disponíveis na sua empresa, ele vai saber exatamente como verificar se cada um deles está funcionando corretamente.

Os pontos que precisam de ajustes vão dar sinais que estão falhos.

Com o controle, eles serão corrigidos antes que possam prejudicar as atividades e disponibilidade dos serviços.

2.Saber o tempo de garantia dos equipamentos

Ao investir em equipamentos de tecnologia, a empresa tem a garantia de suporte, que possui validade por um período de tempo determinado.

Tendo em vista que os equipamentos costumam custar caro e que pagar por manutenções também custa um valor alto, o ideal é saber o tempo exato da garantia e suporte.

No entanto, o gestor só poderá utilizar essa garantia se souber exatamente todos os dados sobre fornecedores e datas de garantia, que vai encontrar realizando o controle de inventário de TI.

3.Reduzir custos

Tendo o controle dos equipamentos da empresa, é possível identificar quando eles estão precisando de manutenção.

E realizar a manutenção em tempo hábil, antes que o equipamento apresente defeitos é a melhor forma de aumentar a sua vida útil.

Isso faz com que a empresa consiga reduzir custos, já que não vai precisar realizar a compra de novos equipamentos.

 

LEIA TAMBÉM >>>

 

4.Monitorar o uso dos equipamentos

Manter o inventário de TI atualizado garante que o gestor possa monitorar de que forma a equipe está fazendo uso de toda a infraestrutura dos equipamentos tecnológicos.

Essa é uma grande vantagem, pois possibilita que o gestor consiga identificar usuários que estão utilizando os recursos, por quanto tempo e qual departamento onde estão localizados.

A partir disso, ele poderá tomar decisões eficazes, fazer renegociação e realizar uma melhor distribuição dos recursos.

A possibilidade de controlar computadores à distância beneficia não apenas o departamento de TI, mas a estrutura organizacional como um todo.

 

Como controlar o inventário de TI em home office?

 

Muitas empresas realizam o monitoramento do inventário de TI através de planilhas manuais, realizadas pela equipe de profissionais de TI.

Porém, temos percebido que este não é o modelo mais eficaz, pois fica apenas disponível em um meio físico.

Hoje o trabalho home office está sendo a melhor solução para a continuidade das atividades, que podem ser realizadas em qualquer lugar, graças às vantagens trazidas pela computação em nuvem.

 

A tecnologia permite que esse controle do inventário de TI possa ser feito remotamente, de forma automatizada.

 

Um exemplo de ferramenta poderosa que exerce este tipo de funcionalidade é o Sumus e-xpenses.

Além de proporcionar o controle do inventário de TI das empresas, o software também realiza o controle de contas e contratos de Telecom.

Sites, celulares linhas telefônicas, fornecedores e contratos, também são controlados pelo e-xpenses.

Se você quer realizar este tipo de controle na sua empresa, mas não sabe por onde começar, conte com a nossa ajuda.

Fale agora mesmo com um de nossos consultores!

Autor:

O que procura?

NEWSLETTER