WhatsApp
Pesquisar
Close this search box.

Tendências Tecnológicas Aplicadas à Gestão de Facilities: O Futuro da Eficiência Operacional

A gestão de facilities tem papel crucial na eficiência operacional das empresas. É fundamental assegurar a manutenção adequada das instalações, gerenciar ativos e otimizar recursos para um ambiente de trabalho produtivo e seguro.

Primeiramente, com o constante avanço tecnológico, surgem emocionantes tendências que revolucionam a gestão de instalações empresariais. Todavia, neste artigo, exploraremos as mais recentes tendências tecnológicas aplicadas contudo à gestão de facilities e ativos, ressaltando seu papel essencial na busca pela eficiência operacional.

gestão de facilities

Internet das Coisas (IoT) e Conectividade

A Internet das Coisas (IoT) está se tornando uma realidade em diversas indústrias, inclusive na gestão de facilities. Por meio da conexão de dispositivos, sensores e sistemas, a IoT permite coletar dados em tempo real, fornecendo informações valiosas sobre o desempenho e a manutenção das instalações.

Inicialmente, essa tecnologia possibilita monitorar equipamentos remotamente, identificar problemas antes que se tornem falhas graves, otimizar o uso de energia e aprimorar a eficiência geral dos recursos. Além disso, a conectividade proporcionada pela IoT está transformando a forma como as empresas gerenciam suas instalações, permitindo uma abordagem proativa para a manutenção e utilização dos recursos.

Inteligência Artificial (IA) e Machine Learning

A gestão de facilities está passando por uma revolução graças à Inteligência Artificial (IA) e ao Machine Learning. Essas tecnologias analisam grandes volumes de dados, identificam padrões e embasam decisões precisas.

Por meio de algoritmos de IA, é possível prever falhas em equipamentos, realizando manutenção preventiva e evitando interrupções. Além disso, a IA aprimora o atendimento ao cliente, proporcionando respostas rápidas e personalizadas.

Com IA e Machine Learning, as empresas podem otimizar recursos, antecipar necessidades de manutenção, melhorar a eficiência energética e automatizar processos repetitivos. Essas tecnologias revolucionam a gestão de facilities.

Realidade Aumentada (RA) e Realidade Virtual (RV)

Atualmente, a Realidade Aumentada (RA) e a Realidade Virtual (RV) têm ganhado popularidade na gestão de ativos e facilities. Entretanto, com essas tecnologias, gestores podem ter uma visão imersiva e interativa das instalações, identificando melhorias.

Por meio da RV, é possível realizar visitas virtuais às instalações, facilitando o planejamento e visualização de projetos. Já a RA oferece informações contextuais em tempo real, ajudando na identificação de equipamentos e fornecendo orientações de manutenção.

Além disso, essas tecnologias aprimoram a segurança ao proporcionar treinamentos imersivos em procedimentos de emergência. A demais, trazem benefícios significativos para a gestão de facilities.

Automação de Processos Robóticos (RPA)

A forma como as tarefas operacionais são executadas nas instalações está sendo transformada pela Automação de Processos Robóticos (RPA). Por meio de robôs e softwares inteligentes, é possível automatizar tarefas repetitivas e de baixo valor, liberando a equipe para atividades estratégicas.

A RPA encontra aplicação em diversas áreas, como gerenciamento de estoque, monitoramento de segurança e gerenciamento de ativos. Ao adotar a RPA, as empresas impulsionam a eficiência, reduzem erros e aprimoram a precisão das tarefas cotidianas.

Análise de Dados e Business Intelligence (BI)

A gestão de facilities é impulsionada pela análise de dados e pela Business Intelligence (BI). Através da coleta e análise de dados, as empresas obtêm insights valiosos sobre o desempenho das instalações, identificando tendências e embasando decisões.

Com ferramentas avançadas de BI, é possível criar painéis personalizados, gerar relatórios detalhados e monitorar o desempenho em tempo real. Essa abordagem baseada em dados permite uma gestão eficiente de recursos, manutenção preditiva e identificação de oportunidades de melhoria.

Plataformas de Gerenciamento Integrado

As plataformas de gerenciamento integrado são uma tendência importante na gestão de facilities. Essas soluções abrangentes permitem que os gestores tenham uma visão unificada de todas as atividades e recursos relacionados às instalações.

Porém, com a Sumus Concept, por meio de uma única interface, é possível gerenciar tanto os facilities como os ativos de uma empresa, de maneira mais assertiva, otimizando tempo e aumentando a produtividade dos setores envolvidos. Ademais, dispensa grandes investimentos em rede, uma vez que as plataformas operam na nuvem.

  • ASSET MANAGEMENT: gerenciamento de inventário de ativos de forma inteligente e eficaz. Com o Sumus Asset Managment é possível criar estoques personalizados e aperfeiçoar o seu uso. Com isso, ele ajuda a evitar compras caras por urgência, aumentando a economia e organizando o inventário.
  • FACILITIES MANAGEMENT: Atualmente, promove controle completo do ciclo de materiais de consumo (Entrada, Estoque, Saída) como, por exemplo, alimentos, descartáveis, matéria-prima ou qualquer outro material de consumo de sua necessidade.

O Sumus Facilities Management permite criar alertas de estoque, planilhas para controle do consumo e estocagem. Desta forma, a interface favorece a redução de custos, evita desperdícios e aumenta a confiabilidade no gerenciamento dos materiais.

Como podemos ver, as plataformas da Sumus Concept promovem a colaboração entre equipes, simplificam processos e contribuem para tomada de decisões embasadas em dados.

Automação e Robótica

Atualmente, a automação e a robótica estão transformando a gestão de facilities, especialmente em áreas como limpeza e segurança. Contudo, robôs de limpeza podem ser programados para realizar tarefas de limpeza em horários específicos, garantindo que os ambientes estejam sempre limpos e higienizados.

Além disso, sistemas de segurança baseados em inteligência artificial também, podem detectar comportamentos suspeitos, identificar invasões e acionar alertas em tempo real. A automação e a robótica reduzem a dependência de intervenção humana em tarefas repetitivas, liberando recursos para atividades de maior valor.

A princípio a  gestão de facilities está evoluindo rapidamente graças às últimas tendências tecnológicas.

Ao adotar tecnologias como Internet das Coisas (IoT), Inteligência Artificial (IA), Realidade Aumentada (RA), Automação de Processos Robóticos (RPA) e Análise de Dados e Business Intelligence (BI), as empresas podem otimizar o uso de recursos, bem como reduzir custos, melhorar a eficiência operacional e proporcionar um ambiente de trabalho mais seguro e produtivo.

Nesse sentindo, como uma empresa especializada em software de gestão de custos e recursos em telefonia e TI, você pode aproveitar essas tendências para oferecer soluções inovadoras aos seus clientes, capacitando-os a alcançar um gerenciamento de facilities de alto nível.

Antes de mais nada, esteja à frente da concorrência e abrace as últimas tendências tecnológicas para impulsionar o sucesso de seus clientes e fortalecer sua posição como líder do setor. Entre em contato com a Sumus.

Aproveite e nos acompanhe em nossas redes sociais.

Autor:

NEWSLETTER

[contact-form-7 id=”5646″ title=”Form News Sidebar” html_name=”/news-blog-form/”]

Entenda como a Sumus pode gerir os custos e reduzir as despesas seu negócio: