Inovação nas empresas: como investir sendo de pequeno porte?

É comum relacionar a inovação nas empresas apenas aos grandes negócios. Porém, a sua pequena empresa também pode se incluir nesse contexto

É preciso fazer um planejamento financeiro bem detalhado, de modo a descobrir a capacidade que a empresa tem de investir, mas se o processo for bem executado, os resultados podem ser ótimos e percebidos já a curto prazo.
Entenda melhor como é possível investir em inovação nas empresas de pequeno porte, quais são os passos a se seguir e também os resultados esperados com esse procedimento.

É realmente possível?

Sim. De acordo com uma pesquisa feita pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) em 2013, em que foram entrevistados 34.557 empreendimentos, eles executaram mais de 85.000 ações consideradas como inovadoras.
Na média, é como se cada empresa tivesse realizado quase 2,5 ações de inovação. Como a pesquisa foi conduzida apenas com pequenos negócios, então é comprovado que eles também podem investir em inovação.
Além disso, a esmagadora maioria das empresas brasileiras é de pequeno porte. De acordo com uma estimativa também do Sebrae, há 12,4 milhões de microempreendedores individuais (MEI), micro e pequenas empresas que optam pelo Simples Nacional hoje em dia.
Até o ano de 2022, os pequenos negócios devem saltar para 17,7 milhões no Brasil, número 43% maior do que o que temos hoje. Por isso, saber que a inovação nas empresas de pequeno porte é possível é um alento para todas que se enquadram nessas categorias.
inovação nas empresas

Como inovar em empresas de pequeno porte?

Primeiro, é necessário ter um panorama da situação atual da empresa para, então, traçar um plano de inovação. Achar que isso não é possível pode ser considerado como um dos principais erros em uma pequena empresa, já que isso terá um impacto direto em seu sucesso.
Será preciso trabalhar com o que a empresa tem em mãos ou com o que ela pode conseguir em relação aos investimentos, mas esse não será um fator complicador se o planejamento for feito adequadamente.
Algumas dicas que podem tornar possível a inovação nas empresas de pequeno porte são as seguintes:

Dê a devida importância às pequenas mudanças

Quando se fala sobre inovação, pode ser que você pense em algo de grandes proporções, como a invenção da roda, que mudou o mundo totalmente a partir de então, mas nem toda mudança precisa ser uma completa revolução.
A inovação pode começar através de gestos mais simples, como pensar fora da caixa, conceito que está em alta hoje em dia. Ao sair um pouco do padrão, já será possível pensar em mudanças que podem fazer toda a diferença para a empresa.

Tenha uma ótima equipe

Há vários tipos de empreendedorismo, cada um com suas características, e quando se trata das pequenas empresas, o tamanho limitado da equipe é um dos pontos que se destaca. Por isso, a constituição da melhor equipe possível se torna uma necessidade para inovar.
Por mais que não seja possível contratar um número muito grande de colaboradores, a seleção deve ser feita com bastante cuidado, de modo que os candidatos escolhidos realmente possam fazer a diferença por sua capacidade teórica e prática.
Com isso, as chances de que a inovação nas empresas traga bons resultados são maiores, o que consequentemente pode aumentar o faturamento, possibilitar novas contratações e resultar em um ciclo vicioso positivo.

Aproveite as tecnologias que já existem

Nem sempre a mudança precisa ser caracterizada pelo desenvolvimento de algo novo, mas sim pelo uso daquilo que já existe no mercado, embora ainda não seja tão utilizado quanto poderia.
Imagine o ramo das empresas de desentupimento: elas já podem contar com equipamentos que escaneiam as instalações hidráulicas e identificam onde há vazamentos e rupturas sem quebrar a parede, mas nem todas já se adequaram a essa realidade.
Uma empresa que trabalha com essa tecnologia será muito melhor avaliada pelos clientes por sua praticidade e eficiência, o que consequentemente as colocará em uma posição mais privilegiada no mercado.
Analise as tecnologias e inovações que já existem em seu setor e que podem impactar positivamente no trabalho e adote-as. Assim, os resultados tendem a ser bem melhores.

Corte custos onde for possível

Pode não parecer que essa dica está relacionada à inovação nas empresas, mas se a empresa consegue cortar custos, tem uma margem maior de lucro e, com isso, consegue investir em novidades e melhorias em seus produtos e serviços.
O tarifador telefônico pode ajudar na gestão de empresas menores, já que proporciona um controle total sobre o setor de telecomunicações. Assim, além de a empresa conseguir economizar, ela ainda terá a chance de escolher os planos de telecom que melhor se adequam às suas necessidades.
inovação nas empresas

Procure por investimentos

Caso o objetivo seja desenvolver uma solução de custo mais alto, que esteja fora da realidade da empresa atualmente, procurar por investimentos é uma opção a se considerar.
Isso pode ser feito através da atração de investidores para a empresa ou mesmo de linhas de crédito oferecidas pelos bancos. Porém, antes disso, analise se a inovação nas empresas realmente tende a trazer bons resultados, de modo a minimizar a chance de prejuízos ou demais problemas futuros.

Alcance a inovação em sua pequena empresa!

Mesmo com recursos limitados e uma equipe não muito grande, ainda é perfeitamente possível contar com inovações em sua empresa, que podem aumentar o faturamento e o sucesso do negócio a curto prazo e, principalmente, em um futuro mais distante.
Implantar as melhores inovações pode ser demorado, mas vale a pena. Por isso, invista em um sistema de tarifação telefônica para cortar custos, tenha uma equipe capacitada, aproveite o que tem à sua disposição e torne a inovação nas empresas de pequeno porte uma realidade em seu negócio!
O que achou das nossas dicas? Deixe nos comentários a sua experiência e aproveite para conhecer os serviços que a Sumus oferece, como a auditoria de contas e a tarifação em nuvem.

Autor:

O que procura?

NEWSLETTER