09 passos que garantem a segurança no serviço de nuvem

Saiba o que fazer para manter seus dados seguros!
O armazenamento em nuvem é uma das maiores tendências tecnológicas dos últimos anos. Prova disso é como o uso de dispositivos físicos, como pen drives e HDs externos, caiu nesse período, embora eles ainda existam e sejam utilizados em casos específicos.
Porém, assim como praticamente tudo que permeia a internet, existem cuidados básicos a se tomar para evitar problemas de segurança, que poderiam causar sérias consequências a empresas e pessoas físicas.
Vamos entender a força que esse tipo de armazenamento apresenta atualmente e o que pode ser feito para manter os dados e arquivos seguros contra interceptações e vazamentos.

Quão forte é o armazenamento em nuvem hoje em dia?

Muito. Além de seu uso no cotidiano, existem estatísticas que comprovam como o serviço movimenta milhões de dólares todos os anos.
Um deles é o relatório “Cloud Storage Market by Component Type, Deployment Mode, User Type and Industry Vertical – Global Opportunity and Forecast, 2014-2022”, elaborado pela Allied Market Research.
De acordo com ele, o mercado de armazenamento na nuvem é estimado a atingir US$ 97,415 milhões em 2022, apresentando uma taxa de crescimento anual composta (CAGR, ou Compound Annual Growth Rate) de 24,8% de 2016 a 2022.
Isso significa que nesse intervalo de tempo, estima-se que o mercado mais do que dobre em participação econômica, o que deixa claro como é uma solução essencial para os dias de hoje, com uma sociedade amplamente conectada.

Dicas de segurança para o armazenamento na nuvem

Quem sabe o que é cloud computing entende que a área é poderosa e versátil e que o armazenamento na nuvem é uma de suas variantes, mas tomar cuidado é necessário para evitar problemas. Algumas dicas que se destacam são as seguintes:

1 – Use serviços com criptografia

No que tange à cibersegurança, a criptografia é um dos pontos fundamentais. Seu funcionamento se dá através da “tradução” dos dados em um formato ilegível, que só pode retornar ao seu estado original (descriptografia) por pessoas devidamente autorizadas.
Em outras palavras, se algum hacker interceptar o documento, ele não terá acesso a nada mais que um documento ilegível e que não pode ser traduzido de volta ao seu original, o que traz níveis incomparáveis de segurança.
Ao escolher um serviço de armazenamento em nuvem, confirme se ele apresenta essa funcionalidade e opte apenas pelos que a possuem, o que pode protegê-lo de uma série de problemas a curto, médio e longo prazo.

2 – Criptografe você mesmo os seus arquivos

Mesmo que o serviço de armazenamento já ofereça essa possibilidade, vale a pena criptografá-los antes de fazer o upload, o que atua como uma camada adicional de segurança.
Existem serviços que oferecem essa possibilidade aos usuários, e mesmo que sejam pagos, é certo que o investimento vale a pena. Pesquise as melhores opções e busque saber se realmente são seguras, o que certamente te ajudará com a proteção de dados e arquivos.

3 – Faça backups locais

Nós comentamos anteriormente que o armazenamento local caiu em desuso desde quando o armazenamento em nuvem passou a ser realidade, mas ele ainda possui o seu valor.
Vale a pena manter backups dos dados e arquivos que estão armazenados remotamente também em um dispositivo físico, como um HD externo. Assim, caso qualquer problema acometa o servidor em que o arquivo está guardado, você não os terá perdido.
Baixe agora nossos Guia para Implementar um Tarifador Telefônico e comece a economizar hoje mesmo!

4 – Use um bom antivírus

O assunto é a segurança do armazenamento em nuvem, mas nem sempre ele é o culpado por interceptações, mas sim o sistema utilizado para acessar os arquivos disponíveis remotamente.
Mesmo que já tenham deixado de estar entre as tendências de tecnologia para sua empresa, os antivírus ainda são importantes para manter os computadores e dispositivos seguros contra ataques e interceptações, outro investimento que vale a pena pelo custo-benefício.
Imagem representando sistema de armazenamento em nuvem

5 – Cuidado com a segurança de seus dispositivos móveis

Um dos maiores benefícios do armazenamento em nuvem é que ele permite acessar arquivos de qualquer lugar em que haja uma conexão à internet, desde o computador de sua casa até o celular que o acompanha durante o dia.
Ao mesmo tempo em que isso é bom, pode ser perigoso, já que quem tiver acesso ao seu smartphone estará bem mais próximo de acessar também os dados criptografados.
Tenha senhas fortes em seus dispositivos móveis e recorra apenas a métodos comprovadamente eficientes de desbloqueio, de modo a manter intrusos e pessoas mal-intencionadas distantes de seus dados pessoais e também dos que estão na nuvem.

6 – Nunca compartilhe suas senhas

Em complemento ao que vimos anteriormente, é importante ressaltar que você jamais deve compartilhar suas senhas com nenhuma outra pessoa, já que não se sabe quais são seus objetivos ou interesses.
Se for necessário disponibilizar o acesso a determinados arquivos, faça isso pela plataforma do sistema em nuvem e restrinja o acesso apenas àquilo que você quiser autorizar.

7 – Evite ter senhas iguais

Para fechar o assunto das senhas, vale a pena lembrar que senhas iguais não são uma boa ideia sob vários aspectos, o que também se aplica ao armazenamento em nuvem.
Caso alguém consiga uma senha sua, se ela for a mesma de outros sites e serviços, o prejuízo pode ser bem grande. Por isso, o melhor a se fazer é ter senhas únicas, já que se elas forem interceptadas, os danos serão menores.

8 – Evite armazenar dados sensíveis na nuvem

Mesmo com toda a sua praticidade, é preciso tomar cuidado com o armazenamento em nuvem. Isso significa que ele não deve ser escolhido para todos os tipos de dados e arquivos, como seus números de cartão de crédito ou senhas de outros serviços, por exemplo.
Se for realmente necessário armazená-los, tenha certeza de que estão criptografados para ter mais segurança.

9 – Contrate hackers certificados para tentar acessar os arquivos

Por último, uma dica que até parece estranha, mas é verdade. Existem empresas que oferecem serviços de hackers éticos e devidamente certificados, cujo objetivo é o de tentar acessar um determinado serviço ou sistema para ver o quão seguros eles são.
Pesquise por empresas confiáveis que oferecem esse tipo de serviço e, assim, será possível descobrir quais pontos devem ser melhorados em relação à segurança na nuvem.

Faça do armazenamento em nuvem uma solução segura e eficiente!

Dada sua praticidade e versatilidade, vale a pena investir na nuvem para armazenar seus arquivos, desde que você siga as melhores dicas de segurança e, assim, evite ao máximo qualquer tipo de problema.
Assim como a consultoria em telecom é uma realidade que está em franco crescimento, o mesmo se aplica ao armazenamento em nuvem, que se hoje já é algo corriqueiro no dia a dia, tende a aumentar ainda mais com o passar do tempo.

Autor:

O que procura?

NEWSLETTER